Simplesmente descanse!

     
Cansado de correr atrás do que você tanto quer e não conseguiu até agora chegar nem um passo mais perto do que deseja tanto? Você está se sentindo perdido no meio de um labirinto em busca do que quer sem saber exatamente o que realmente quer para si? Você tem se sentido apreensivo, tenso e desanimado com as expectativas que criou sobre seus projetos? Então, de repente é o momento de você simplesmente descansar, nem que seja um pouco.
      Parece que quanto mais corremos atrás de algo, mais essa coisa se afasta de nós e começamos a nos questionar se realmente estamos fazendo por merecer o que colocamos como meta em nossas vidas, se realmente isso é para acontecer para nós. Mas nos esquecemos de que tudo o que buscamos não vai cair do céu em nosso colo sem que façamos algo em prol para que isso venha a nós.
       Além disso, precisamos também respeitar nossos limites e o momento certo para que nossos objetivos se concretizem. Criar mais e mais expectativas e com isso, mais ansiedade sobre o que queremos realmente só vai nos dar a sensação de que o que queremos está se afastando de nossas mãos.
       Se estamos fazendo tudo certo para que algo nos aconteça, por que ficar tão estressado pelo que queremos ainda não ter se materializado na nossa frente? Será que não estamos sendo pessimistas demais para acreditar que somos capazes de conseguir o que faz parte de nossos desejos?
       Traçado o plano, colocado em ação, agora, comece a aguardar com mais serenidade que sua semente se transforme em uma muda, que aos poucos pode se transformar em uma árvore frutífera. Mas a questão do tempo é importante – não é só contar com a sorte e começar a acreditar que você vai ter um grande sucesso no seu empreendimento em questão de horas, pois isso é quase impossível de acontecer – porque você não plantou feijões mágicos!
       Que tal descansar um pouco sua mente? Sim, descansar a mente é fundamental para retomarmos o ânimo necessário para repensar sobre o que podemos fazer de inovador para conseguir alcançar os resultados sonhados? Por que não dar um tempo também nos pensamentos sobre o assunto em que você tem pensado sem cessar, sem se dar uma pausa para respirar?
        Você já reparou que de tanto pensar numa solução para nossos problemas, parece que passamos por um congestionamento mental? É uma sensação de que não há outra perspectiva, só aquela em que nos fixamos e, com toda certeza, para acharmos a solução é preciso usar a tática da flexibilidade – se permitir ter novos pontos de vistas e com isso, alcançar novas maneiras de encontrar respostas para o que queremos.
         Dar esse descanso para nossa mente faz com que novas visões sobre o assunto surjam. Assim, nos abrimos também para novas oportunidades de crescer com o que aconteceu conosco no passado e não nos deu os resultados esperados. Além disso, abrimos um espaço para que nossa mente se permita ter novas ideias sobre o que podemos fazer para melhorar nossa situação no presente.
         E como descansar? É simples, se desligue um pouco de seu mundo habitual, de suas obrigações e anseios quotidianos. Deixe que seu corpo entre em sintonia com a sua mente neste descanso e jogue fora qualquer sentimento de culpa que possa vir a sentir, só porque você está se sentindo na necessidade de descansar do que você tem sido nestes últimos anos e relaxe!
         Tente encontrar algum lugar perto da natureza ou de qualquer outra paisagem que te faça se sentir bem e que já te deu uma sensação de renovação das energias anteriormente.
         Respirar um pouquinho a cada trabalho árduo que fazemos é muito importante para que nós possamos nos permitir ter outras visões sobre os fatos e também outras atitudes e seria maravilhoso se cada um de nós entendesse que trazer essa atividade para nosso quotidiano só pode somar inspirações para que grandes oportunidades aconteçam.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Intransigência, um grande mal para os relacionamentos

Quando a cabeça não pensa, o corpo padece mesmo!

Como anda a educação dos jovens? Totem e Tabu na família brasileira