Postagens

Como anda a educação dos jovens? Totem e Tabu na família brasileira

Imagem
Todo mundo sabe que eu tento escrever aqui um pouco sobre Psicanálise de uma maneira leve que ela possa ser entendida por pessoas que não estudam essa linha de pensamento. Então vamos lá. No texto Totem e Tabu, Freud abordou uma imagem de como foi criada a lei numa comunidade através do pai, sua mulher e seus filhos que deviam lhe respeitar. O pai para Freud foi colocado como o ser que ensinava a lei e todos deviam respeitar porque ele garantia a proteção da família e dos valores que ele trazia para os membros do seu clã.
E também, gosto muito de observar como está acontecendo na prática a ideia que Freud trouxe sobre a lei e vejo não só a lei sendo o pai e sim qualquer membro da sociedade queira transmitir valores aos demais pessoas do seu grupo. Esse texto é de leitura muito fácil e recomendo a leitura a todos, mesmo para quem não estuda Psicanálise porque é possível entender o significado de tudo, porque se trata de um texto escrito como uma narração e de leitura muito fácil. Depoi…

O que você quer fazer enquanto estiver aqui?

Imagem
Todo mundo sabe que não vai durar para sempre, de alguma forma ou de outra, certo? Então, mesmo que você acredite em alguma religião, qual é a garantia que você tem de que haverá outra oportunidade de vivenciar as mesmas oportunidades que você tem hoje em sua vida? De estar no mesmo lugar, com as mesmas pessoas e ter as mesmas oportunidades? A pergunta que eu faço é: O que você quer fazer enquanto estiver aqui? Parece simples, mas muitas pessoas não sabem me responder. Você sabia que tem muita gente perdida por aí, que nem sabe para onde vai e nem por que vive. Mas, podemos mesmo ter uma razão para viver? Essa parece ser uma pergunta um pouco estranha de ser feita, mas pode ser respondida com: Vivo para aproveitar minha vida. E por que não? Se nós somos seres livres, nós podemos fazer de nossas vidas o que queremos, certo? Claro, desde que não causemos danos aos outros. Mas e se estivermos aqui querendo ser alguém com alguma causa, com uma vontade de ajudar uma pessoa, um gr…

Uma vida imperfeita

Imagem
Esse texto vai para quem acha que tem que acordar numa mansão linda e brilhante, com tudo arrumado, com um parceiro perfeito ao seu lado, com dinheiro a perder de vista e uma saúde de dar inveja a qualquer um para ser feliz. Não, não precisamos disso tudo para ser feliz, você sabia? Muita gente carrega um sorriso largo por aí com muito menos que isso, então qual é o segredo?

Você sabe o que significa “se contentar”? Significa se satisfazer, mas eu sei que a Psicanálise diz que não temos essa capacidade porque sempre temos em nós uma pulsão que nos faz  querer algo a mais. Mas e daí? Qual é o problema nisso? Nenhum, pois nisso mesmo está a nossa vontade de seguir adiante com nossa vontade porque é essa força que nos dá mais impulso ainda para continuar com nossa vida e não perder a vontade de viver.
E por que falar de uma vida imperfeita? Porque não é a primeira vez que eu recebo e agradeço, é claro, o carinho de um dos meus leitores que achava que eu tinha uma vida perfeita e era por is…

Você é intransigente com o outro?

Imagem
Um dos temas mais lidos e mais procurados pelos meus leitores é a intransigência e acredito que cada um de nós devemos refletir sobre esse tema para que possamos entender mais sobre o que é ser uma pessoa intransigente ou não e se estamos cometendo a falha de não aceitar a maneira de ser do outro.
Como vocês já devem saber, tem um artigo em que eu já escrevi sobre esse assunto. O link é http://mestredesi.blogspot.com.br/2011/06/intransigencia-um-grande-mal-para-os.html . Mas volto a esse assunto para retomar o que é ser intransigente e isso requer entender que não aceitamos o outro do jeito que ele realmente é. Isso acontece porque queremos sempre dar algum tipo de retoque na maneira de ser do outro, ou porque o outro fala alto demais, ou não sabe se comportar bem e infelizmente nós nos sentimentos sempre com algum tipo de desalinho entre a realidade e o que imaginamos que o outro poderia ser, mas ele não é e talvez nunca será porque tais mudanças não dependem de nós e sim…

É possível resgatar uma relação longa e infeliz?

Imagem
No mundo em que vivemos, ainda é muito normal encontrar pessoas apegadas ao passado e sem ânimo para mudar a sua vida afetiva. Com isso, vivem acorrentadas a um relacionamento, com medo de se arrepender ao dar um ponto final, pelo fato de não terem certeza de que vão encontrar alguém melhor no futuro. Mas será que isso vale a pena? Será que é preciso ficar infeliz para sempre do lado de alguém só para manter o estado civil?

   Há, ainda, aquelas pessoas que preferem acreditar na instituição "casamento" como um porto seguro, mas buscam o prazer carnal em relacionamentos extraconjugais, sem se soltarem do parceiro com quem casaram. Comportamentos desse tipo só demonstram o quanto há vários relacionamentos longos e infelizes na sociedade e como as pessoas não têm coragem de encarar o fato principal: elas não vivem felizes e ainda trazem para o relacionamento muita frustração e maiores desgastes.
   Quem tem filho e passa por essa situação, costuma justificar esse tipo de co…

A pornografia faz mal?

Imagem
Sei que sexo vende e muito, mas se a pessoa só pensa em sexo o tempo todo, isso é uma patologia e só pode trazer prejuízos para sua vida pessoal e profissional. Recentemente, eu estava na fila de embarque e vi um rapaz completamente vidrado assistindo um vídeo pornográfico na tela do seu celular, como se as pessoas ao redor não existissem e que ele não poderia estar incomodando ninguém, muito menos crianças que estavam passando pelo local.
Depois desse vídeo, veio outro e mais outro... E depois, não mais o vi no saguão do aeroporto, mas o mais importante é como as pessoas se perdem nesse ciclo de baixa vibração e se prendem a um elo com a fantasia e saem do real. Não é mesmo?
Um bom exemplo disso está presente no filme “Como não perder essa mulher” que tem o nome original “Don Jon” (2003), estrelado por Joseph Gordon-Levitt, Scarlett Johansson e Juliane Moore. O personagem Don é totalmente fissurado por pornografia, não deixa de assistir todos os dias e isso complica suas relações amoro…

Viver o luto

Imagem
Estou num momento muito complicado dos dois lados da minha família pois minhas duas avós estão muito doentes, já muito idosas e já estão mostrando muitos sinais de que vão desenlaçar da carne em breve. Hoje, fui visitar minha avó materna depois dela ter saído da UTI e fiquei por horas conversando, massageando seus pés e olhando nos seus olhos, ouvindo suas palavras querendo guardar todos aqueles segundos eternamente dentro de mim, mas teve momentos em que eu me desconcentrei do que ela estava falando e me perdi no seu olhar.

Depois, como minha avó paterna que mora quase na mesma rua, fui visita-la também e fiquei muito angustiada porque hoje, depois de um ano de após um AVC, ela tem muitas sequelas para falar, não anda, não lembra de mim e ficou com demência. Mas o que mais me abateu foi que diferente dos outros dias em que a visitei, não percebi melhora no seu quadro, pelo contrário, a achei pior, muito mais apática e minha tia relatou que ela tinha passado mal durante a sem…